Elder Futhark e Magia Rúnica

Retornando à magia rúnica, hoje falaremos do Elder Futhark – o alfabeto rúnico mais popular entre os praticantes contemporâneos. Composto de 24 runas, foi estruturado a partir dos significados dos nomes de cada uma em proto-germânico e do poema anglo-saxão. Esta é uma rápida apresentação das principais propriedades associadas às runas deste alfabeto.

Imagem destacada: série Vikings/History Channel

Continue Reading

O Caminho às Runas

Uma polêmica presente no meio Ásatrú é se existe algum tipo de “iniciação” necessária para usar magia nórdica, especificamente as runas. Normalmente quando falam sobre isso estão pensando em um ritual passado por outra pessoa – algo mais característico de ordens herméticas que do paganismo. Na minha opinião, existe um processo iniciático porém não desta forma; é algo interno, que nos é descrito na sessão do Hávamál chamada de “Rúnatál” (“Canção das Runas”, o trecho entre os versos 138 e 145 do poema). Discutirei aqui o meu ponto de vista sobre o assunto.

Todas as ilustrações deste artigo são de autoria de Nataša Ilinčić (Sim, vemos muito ela por aqui…)

Continue Reading

Os passos de um Xamã – Primeiro Movimento: “Nascer”

Aho! O Grande Espírito que habita em mim, saúda o Grande Espírito que habita em você!

Inicio hoje, mais uma coluna no Colégio Platinorum. Entre outros nomes, aqui serei conhecido como Wahkan, o peregrino. Tenho em mente trazer outros temas, porém, hoje venho trazer o primeiro texto de outros que virão, sobre Xamanismo. Que a Grande Águia guie nossa jornada de conhecimento!

Continue Reading

Sugestões simples para o Yule.

Os dias 20, 21 e 21 desse mês comemora-se o Solstício de Inverno, seria o “fim do ano” de acordo com as estações. O mesmo período foi usurpado pela Igreja como o nascimento de Cristo, mas isso não vem ao caso agora.

Apesar do difícil período que se mostra, há a promessa de uma nova esperança, o Sol, doador de vida e abundância, renasce, agora é o nascimento da Criança Prometida, trazendo consigo a esperança de um novo começo e da realização de projetos.

Continue Reading

LHP e o Mito do Dragão

O mito do herói que enfrenta um dragão é usado como base para os sistemas LHP conhecidos como “magia draconiana“. Michael Kelly, autor dos livros Apophis e Ægishjalmur e fundador do grupo Order of Apep, partiu do mito nórdico do guerreiro Sigurðr para criar uma versão que refletisse os ideais e desafios para um iniciado nesta via, que pode ser chamada de “Caminho Heroico”. Faremos uma análise não apenas desta versão como também de manifestações contemporâneas do mito.

[ATENÇÃO: pode conter spoilers de O Hobbit e Game of Thrones]

Continue Reading

Uma via Draconiana

 

Supostos praticantes do Caminho da Mão Esquerda usam este rótulo apenas para suprir alguma necessidade emocional. Tentam criar uma imagem falsa de si mesmo para o mundo, buscam relevância, mostram-se como malvados e poderosos. Pobres almas… apenas estão projetando os buracos do seu subconsciente. Eu apenas digo, este é o caminho do silêncio, pois na busca da imortalidade da mente, pouco importa o que o outro pensa de você.

Continue Reading